Justiça

Tribunais portugueses parados devido a ‘apagão’ de sistema informático

Não há expectativa para a "retoma dos serviços".

Os tribunais portugueses estão parados esta terça-feira devido ao ‘apagão’ do sistema Citius, aplicação de gestão processual nos Tribunais Judiciais de Portugal, impendindo assim os profissionais de Justiça de desempenharam as suas funções com normalidade.

O presidente do Sindicato dos Funcionários Judiciais, António Marçal, indicou, em declarações ao Correio da Manhã, que a falha é “recorrente” e deve-se “à inserção de dados dos magistrados”, que acontece por esta altura.

O ‘apagão’ terá ocorrido durante a última noite e António Marçal aponta o dedo ao Governo, falando em “falta de investimento” na Justiça, acrescentando ainda que não há expectativa para a “retoma dos serviços” dos tribunais.

Refira-se que esta não é a primeira vez que tal acontece com a plataforma, já que recentemente, em Maio, o Citius colapsou e deixou os tribunais parados.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

comentário