País

TAP disponível para diminuir cortes salariais

A administração da TAP está disponível para reduzir os cortes salariais aplicados aos trabalhadores de 25% para 20%, escreve o jornal ECO, citando fontes ligadas ao processo, garantindo ainda que o salário que fica isento de cortes deverá subir para os 1.520 euros.

Esta diminuição do corte salarial já terá sido transmitida aos sindicatos da companhia, com quem a gestão tem mantido reuniões. Esta cedência será possível devido à melhoria dos resultados da empresa, que estão acima da meta traçada no plano de reestruturação para este novo ano.

A aplicação de um corte de 20% tem significados diferentes para as várias classes profissionais. Por exemplo, para os pilotos e os tripulantes de cabine, implica passarem a ter uma redução menor, uma vez que este ano têm um corte de 35% e 25%, respectivamente. Já o pessoal de terra e os técnicos de manutenção de aeronaves evitam um agravamento do corte, uma vez que sem a alteração veriam a redução subir de 20% para 25% este ano.

A TAP fechou os primeiros nove meses com um prejuízo de 91 milhões de euros, mas conseguiu lucros de 111 milhões entre Julho e Setembro, devendo fechar o exercício de 2022 com um resultado positivo, o que não acontece desde 2017.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito