Mundo

Mulher é detida por encomendar a morte do ex-marido a um… agente do FBI

Uma mulher foi detida por ter pago cerca de 3.700 euros para encomendar a morte do ex-marido e acabou detida, visto que o assassino que pensara ter contratado, era na verdade um agente do Federal Bureau of Investigation (FBI), que estava disfarçado.

Gretchen Buselli, de 48 anos, foi condenada a 15 anos de prisão, que corresponde ao tempo máximo neste tipo de crime. A ocorrência aconteceu no estado da Flórida, Estados Unidos.

O agente estava identificado como Paul quando foi contratado para cometer o homicídio, mas tratava-se na verdade de um agente disfarçado. A arguida cedeu-lhe informações acerca da rotina do seu ex-marido de forma a facilitar o trabalho do suposto assassino.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito