Sines

Aumento de 1,5 mil milhões para produção de hidrogénio e amoníaco verdes em Sines

Um investimento avultado chega a Sines.

O consórcio internacional português, dinamarquês e neerlandês MadoquaPower2X (MP2X), liderado pela empresa Madoqua Renewables, anunciou esta quarta-feira um aumento de investimento de 1,3 para 2,8 mil milhões de euros nas unidades de produção de hidrogénio e amoníaco verdes na zona industrial de Sines, que terão uma capacidade de produção superior a 1 GW.

Para a CEO da aicep Global Parques, Isabel Caldeira Cardoso, este aumento no investimento “reflete as ambições do projeto inicial, para o qual os promotores reservaram já 59 hectares de terreno na ZILS — Zona Industrial e Logística de Sines, o dobro dos 25 hectares da fase inicial”. O projeto prevê a criação de 265 postos de trabalho permanentes e 6.000 postos de trabalho indiretos a partir de 2025.

Por seu lado, a diretora não executiva da MadoquaPower2X, Marloes Ras, salientou a ambição do projeto assente num plano de estratégico a oito anos, e lembrou que “só a primeira fase do projeto já corresponde a 20% das metas portuguesas no contexto da produção europeia de hidrogénio verde”.

A empresa irá utilizar 560 MVA para produzir anualmente 50 mil toneladas de hidrogénio e 300 mil toneladas de amoníaco verdes usando energia elétrica renovável. Na segunda fase, o projeto utilizará uma ligação elétrica de 1400 MVA para produzir um total de 150 mil toneladas de hidrogénio e mais de um milhão de toneladas de amoníaco verdes anualmente.

O MP2X prevê a construção e operação de parques solares e eólicos dedicados à unidade industrial de Sines. Relativamente ao consórcio, a Madoqua Renewables desenvolve projetos avaliados em dois mil milhões de euros ao longo da cadeia de valor do hidrogénio.

A Power2X é uma empresa de desenvolvimento de projetos e consultoria de gestão para transição energética na Europa, África e Médio Oriente. A Copenhagen Infrastructure Partners gere oito fundos, com 16 mil milhões de euros sob gestão de 100 investidores institucionais da Europa, Ásia, Austrália e América do Norte e organizações multilaterais.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

comentário

  1. Uiiii !!!!!!!Agora é que vai ser gamar com força 😂😂😂