AtualidadeEconomiaMobilidade

União Europeia decreta fim dos veículos com motor de combustão até 2035

Graças ao acordo entre o Parlamento Europeu e os Estados membros, a União Europeia (UE) decidiu esta quinta-feira acabar com os veículos com motor de combustão até 2035.

“Decisão histórica da UE para o clima”, escreveu na rede social Twitter o eurodeputado francês Pascal Canfin, do grupo Renew Europe, presidente da comissão Ambiente do Parlamento Europeu, ao fim de algumas horas de negociações em Bruxelas.

O vice-presidente da Comissão, com o pelouro do Ambiente, Frans Timmermans, declarou ser um acordo que “envia um sinal forte à indústria e aos consumidores: a Europa virou para a mobilidade sem emissões”.

O texto aprovado, baseado numa proposta da Comissão que data de Julho de 2021, prevê a redução a zero das emissões de dióxido de carbono das viaturas novas na Europa a partir de 2035, correspondendo à paragem das vendas de viaturas e veículos utilitários ligeiros novos a gasolina ou gasóleo na UE nesta data, bem como de híbridos (combustível-eléctrico), em proveito dos veículos 100% eléctricos.

Apesar de o automóvel representar um pouco menos de 5% das emissões totais de dióxido de carbono na UE, a nova regulamentação deve contribuir para atingir os objectivos climáticos da Europa, em particular a neutralidade carbónica em 2050.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito