Atualidade

Técnicos de emergência pré-hospitalar voltam à greve

Os técnicos de emergência pré-hospitalar voltam no próximo dia 17 a fazer uma greve ao trabalho extraordinário por tempo indeterminado.

No pré-aviso de greve, o Sindicato dos Técnicos de Emergência Pré-Hospitalar (STEPH) informa que, uma vez que a greve abrange apenas as horas extraordinárias, não considera haver lugar a serviços mínimos, pois “todo o trabalho urgente e emergente em horário normal de trabalho continuará a ser garantido em todos os turnos”.

O sindicato diz ainda que quaisquer “ocorrências multivítimas” ou catástrofes naturais ou outras que possam vir a ocorrer estão excluídas deste pré-aviso, uma vez que, nestas situações, “os trabalhadores estarão sempre disponíveis para acorrer às necessidades que se imponham”, prestando o trabalho suplementar necessário.

A greve arranca às 00h00 de dia 17, por tempo indeterminado, e abrange todos os técnicos de emergência pré-hospitalar integrados na carreira de Técnico de Emergência Pré-Hospitalar (TEPH) do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e inclui todos os eventos programados que este instituto se proponha assegurar, “para lá daquilo que é a sua actividade normal e legalmente exigível”.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito