País

PSP sem poder abastecer viaturas por falta de visto nos contratos com a Galp

A caducidade do contrato da PSP com a Galp, que permite que esta força de segurança disponha de cartões Galp Frota para abastecimentos de combustível, levou a Direcção Nacional da Polícia de Segurança Pública (DN/PSP) a suspender temporariamente o abastecimento, escreve o Correio da Manhã na sua edição desta quarta-feira.

A falta de visto do Tribunal de Contas para o novo acordo levou a que, nos últimos dias de 2022, o Director Nacional da PSP Magina da Silva ordenasse um ajuste directo temporário com a Galp, para que a operacionalidade fosse garantida.

Recorde-se que a renovação, no final do ano, dos cartões Galp Frota, é obrigatória. Estes cartões são usados pela polícia para abastecerem as viaturas, mas só podem ser utilizados depois de o processo receber autorização do Tribunal de Contas. O atraso nesse visto está na origem deste constrangimento, situação que já se tinha verificado no início do ano passado.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito