Opinião

A BANDEIRA PORTUGUESA NÃO É LIXO!

As opiniões expressas neste artigo são pessoais e vinculam apenas e somente o seu autor.

Os inúteis não-binários, pseudo-inclusivos, anti-tradições e sem qualquer respeito pela bandeira portuguesa que nos (des)governam, decidiram contratar Eduardo Aires, designer, professor universitário, provavelmente mais um “idiota útil” que serve para doutrinar os mais jovens, por 74 mil euros, para criar uma imagem institucional da bandeira de Portugal nas plataformas e documentos oficiais do Governo, que mais parece uma pizza separada por um pedaço de fiambre e outro de pepino.

Eduardo Aires, o tal “designer da pizza”, concedeu em 2015 uma entrevista ao jornal BOM DIA, “a defender a necessidade de  Portugal ter uma nova bandeira, sendo essa a ponta do icebergue”.

Sendo este Governo anti-patriota, parece-me muita coincidência que alguém que já tinha manifestado a sua posição em que deveríamos alterar a bandeira de Portugal para agradar a uns iluinados, ter ganho 74 mil euros para fazer 3 imagens geométricas que se criam em poucos minutos.

Tal como determinado pela Constituição da República, no seu artigo 11.º, n.º 1 – “A Bandeira Nacional, símbolo da soberania da República, da independência, unidade e integridade de Portugal, é a adoptada pela República instaurada pela Revolução de 5 de Outubro de 1910”.

Já sabemos que este Governo Socialista vende ou até oferece a cidadania portuguesa a qualquer um que entre em Portugal por alguns momentos, mesmo que essa pessoa seja contra os nossos valores, costumes e tradições.

O Governo ao colocar esta “imagem da pizza” em documentos oficiais ofende o país e os portugueses, pelo menos aqueles que amam Portugal, e todos aqueles que já derramaram sangue pelo Estado-nação mais antigo da Europa, remontando a sua fundação a 1143, ano da celebração do Tratado de Zamora.

Estes meninos traquinas pseudo-climáticos, inclusivos e sem noção de que género são, mas que conseguiram chegar a governantes de Portugal, já que os seus papás não lhes transmitiram uma boa-educação, merecem todos uns bons pares de palmadas para criar juízo e aprenderem a respeitar os símbolos nacionais.

Mas, até que consigamos recuperar os valores, costumes e tradições que todos estes idiotas úteis tentam apagar, a direcção do partido ADN decidiu criar uma petição para obrigar o Governo a manter a esfera armilar, o castelo e as quinas na bandeira portuguesa utilizada na sua imagem institucional, nas plataformas e em todos os documentos oficiais, a qual está a ser um enorme sucesso.

Assim, se quer mostrar a estes traidores que a bandeira nacional não é lixo, assine a petição: https://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT118882

Estamos num ponto em que os costumes, tradições e valores dos portugueses podem deixar de existir, basta que quem os defende ou acredita neles continue a ficar impávido e sereno perante estes ataques à nossa Pátria.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

comentário

  1. As verdadeiras Bandeiras de Portugal