Opinião

As Mulheres de Abril

Há 50 anos começamos a construir um país em Liberdade! Liberdade essa, que teima em estar por cumprir, em diversas áreas e, sobretudo, no que concerne aos mais frágeis.

Infelizmente, as mulheres continuam a ser as mais desprotegidas e as mais feridas no exercício dos seus direitos básicos.

As Mulheres, no pós- 25 de Abril, são herdeiras de muitas mulheres guerreiras que desbravaram caminho! Mas muito há ainda a fazer!

Leio a carta dos Direitos das Mulheres, consagrados pela ONU e verifico isso mesmo!

Direito à Liberdade e segurança pessoal! Quantas de nós continuam reféns de relações tóxicas e de subjugação? São batidas e violentadas?

Direito a decidir ter ou não ter filhos e quando tê-los! Assistimos a um retrocesso nesta matéria, com o regresso de políticas que privam as mulheres deste direito!

Direito à igualdade e a estar livre de todas as formas de discriminação! Não temos ainda direitos iguais! Somos discriminadas nos salários que recebemos! Discriminadas por engravidar e por termos filhos! Discriminadas na nossa sexualidade, sendo-nos ainda negado o direito a um consentimento entusiasta e pleno, assim como o direito ao prazer sexual!

Estes são apenas alguns exemplos! É urgente que se cumpra Abril!

É urgente que não tenhamos medo de dizer que ainda não somos, verdadeiramente, livres! Somos livres no nosso pensamento, mas as nossas ações e realizações são, ainda, condicionadas pelo preconceito, ignorância e pelo patriarcado!

A moral judaico-cristã continua a vigorar e a limitar-nos no exercício pleno da nossa felicidade!!

25 de Abril Sempre!!!! Que se cumpra na Liberdade!!!

Prof.ª Doutora Thaysa Viegas, Diretora Clínica da Maria Vinagre, Clínica de Empoderamento do Agridoce da Vida


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito