Palmela

2023, ano de grandes desafios na Autoeuropa

Concluído o capítulo das negociações dos salários, a Autoeuropa prepara-se para encarar 2023 como um ano determinante para o seu futuro, com o compromisso de anunciar o fabrico de um novo modelo automóvel, que deverá ser híbrido, escreve o jornal ECO, citando o coordenador da Comissão de Trabalhadores (CT) Rogério Nogueira.

Tudo indica que o novo veículo será a próxima geração do T-Roc, o SUV que tem conquistado os condutores europeus. Recorde-se que a unidade nacional da Volkswagen começou a produzir o primeiro veículo de larga escala em Julho de 2017, depois, a primeira geração do T-Roc foi renovada no final de 2021, e deverá continuar a ser fabricada em 2023 e 2024.

Actualmente com mais de 5000 funcionários, a Autoeuropa entrará em 2023 depois de conseguir o segundo melhor ano de produção, com o fabrico de 230 mil unidades.

Em simultâneo, mas no campo das más notícias, há o registo de 500 a 600 trabalhadores com doenças profissionais, o equivalente a mais de 10% força de trabalho, “embora uma grande parte com tarefas mais leves na linha de montagem ou noutras áreas da fábrica”, nota o porta-voz da CT.

Quanto a este particular, os sindicatos vão um pouco mais longe. “As pessoas não aguentam os ritmos de trabalho muito exigentes. Há pouca rotatividade no posto. A Autoeuropa tem de tomar medidas em relação aos ritmos de trabalho e ao aparecimento de doenças profissionais“, lamenta, em declarações ao ECO, Eduardo Florindo, coordenador do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Actividades do Ambiente do Sul (SITE-Sul).

Recorde-se que o sindicato afecto à CGTP promoveu mesmo um abaixo-assinado em Junho pela melhoria das condições de trabalho e que contou com mais de 2 mil assinaturas.

2023 perfila-se, assim, como um ano de enormes desafios para a Autoeuropa.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito