AtualidadeDefesaMundoPolítica

Portugal envia helicópteros russos para a Ucrânia. Meios aéreos sem licença para operar em Portugal

Portugal vai ceder à Ucrânia seis helicópteros russos de combate aos fogos, sendo que um dos dispositivos não está operacional. Os seis veículos estão neste momento sem licença para voo em Portugal devido à atual situação entre a Rússia e a Ucrânia.

“A pedido da Ucrânia e em articulação com o Ministério da Administração Interna vamos disponibilizar à Ucrânia a nossa frota de helicópteros Kamov que, em virtude do cenário atual, das sanções impostas à Rússia, deixamos de poder operar, aliás não têm os seus certificados de aeronavegabilidade e nem sequer poderemos repará-los”, assegura Helena Coelho.

A ministra da defesa anunciou ainda que as aeronaves serão “muitíssimo úteis” à Ucrânia no atual panorama de Guerra e que os ucranianos “estão cientes do estado do material”. As declarações de Helena Coelho foram feitas à imprensa portuguesa após a reunião dos Ministros Defesa da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), em Bruxelas.

Neste momento, a prioridade é que os helicópteros sejam enviados o mais rapidamente possível de forma a serem utilizados no terreno, numa manifestação clara de apoio à Ucrânia. “Os países demonstraram, de forma absolutamente clara, a sua intenção de continuar a apoiar a Ucrânia e, portanto, há aqui uma grande sintonia de posições entre os Aliados”.

A reunião aconteceu num momento em que o clima entre os dois países está a escalar, havendo um enorme aumento de tensão depois dos últimos ataques da Rússia a Kiev. Neste momento, nem Moscovo nem a Europa cedem e as tensões entre as duas partes parecem não ficar por aqui.

Portugal, volta a enviar novamente suporte bélico para o país ucraniano, mantendo assim as intenções primárias da NATO de fornecer apoio ao país liderado por Volodymyr Zelensky


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito