CrimeDestaqueSetúbal
Em Destaque

Tragédia em Setúbal: Guerra de famílias resulta em morte de mulher inocente

A vítima mortal é conhecida na zona e era bastante acarinhada pela simpatia de modéstia. 

Uma mulher de 31 anos, conhecida como Raquel Lourenço, foi fatalmente atingida na cabeça enquanto conduzia pela Rua Padre José Maria Nunes da Silva, em Setúbal. O incidente ocorreu por volta das 23h30 de domingo, durante um confronto armado entre duas famílias rivais no bairro da Bela Vista.

Raquel, carinhosamente chamada ‘Kelinha’ por familiares e amigos, regressava a casa após um dia de trabalho quando se viu no meio do tiroteio. O projétil fez com que perdesse o controlo do veículo, que acabou por embater em contentores de lixo. Um amigo, que estava no banco do passageiro, sofreu ferimentos no braço.

A violência iniciou no sábado, após dois membros de uma das fações rivais terem sido libertos da prisão e regressado ao bairro. Tentativas de cobrança de uma antiga dívida e o ajuste de contas resultaram em desacatos e tiros, prolongando-se até domingo.

A Polícia Judiciária investiga o homicídio, mas até a última atualização na segunda-feira, nenhum suspeito tinha sido detido ou identificado. Testemunhas oculares permanecem em silêncio, dificultando as investigações, conforme relatado pelo Correio da Manhã.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito