Seixal

Seixal | Cordão humano pela extensão do Metro Sul do Tejo

Um grupo de munícipes do Seixal realiza, no sábado, um cordão humano na EN10, para chamar a atenção do Governo da necessidade da construção da segunda e terceira fases do Metro Sul do Tejo.

Paula Guimarães, da organização da iniciativa, explicou à Lusa que esta é uma forma de chamar a atenção para a necessidade deste meio de transporte no concelho do Seixal, no distrito de Setúbal, cumprindo o que está delineado há cerca de 20 anos.

Atualmente o Metro Sul do Tejo serve a população do concelho de Almada e da freguesia de Corroios, no concelho do Seixal, mas segundo Paula Guimarães faz falta o seu alargamento, tal como previsto, entre Corroios e o Fogueteiro (segunda fase) e Fogueteiro e o Lavradio, concelho do Barreiro (terceira fase).

O cordão humano deverá começar pelas 10h00 e estender-se da rotunda da Cruz de Pau até ao Jardim do Fogueteiro, local onde serão feitas intervenções de munícipes, do executivo da junta de freguesia da Amora e do presidente da Câmara Municipal do Seixal.

Em março, o primeiro-ministro anunciou a aprovação de uma resolução do Conselho de Ministros que permitirá, entre outros, o arranque dos trabalhos técnicos das próximas fases da expansão do Metro Sul do Tejo e a concretização de projetos para a construção de novas ligações entre o Barreiro e o Montijo e o Barreiro e o Seixal, de um novo terminal fluvial na Moita e do ‘Passeio do Arco Ribeirinho Sul’, via pedonal, ciclável e de estrutura verde, garantindo a ligação de Almada a Alcochete.

Traçado previsto para a linha total do Metro Sul do Tejo / DR vitorinices.blogspot.com


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito