Desporto

Ronaldo acusado de liderar rebelião no balneário para despedir treinador do Al Nassr

A imprensa da Arábia Saudita tem defendido por estes dias a tese que aponta Cristiano Ronaldo como alegado líder de uma rebelião no balneário do Al Nassr com o intuito de despedir o treinador Rudi Garcia.

O jornal Arriyadiyah escreve esta quinta-feira que a direcção do clube não tinha intenção de despedir o treinador francês, apesar de alguns resultados aquém das expectativas, mas terá mudado de opinião depois de uma alegada reunião com… o jogador português.

Aquela publicação indica ainda que Ronaldo terá alertado para “a necessidade de adoptar um estilo de jogo ofensivo e que se adequasse melhor às capacidades” da equipa.

Entretanto, a saída de Rudi Garcia já foi formalmente anunciada e o croata Dinko Jelicic foi promovido a técnico interino, enquanto alguma imprensa internacional aponta José Mourinho como um dos alvos para suceder a Rudi Garcia. A acontecer, seria o reencontro do treinador sadino com o jogador madeirense, depois de juntos terem levado o Real Madrid ao título espanhol em 2011/12.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito