CrimeDestaque
Em Destaque

Professor de Alcochete acusado de violação 

Em Alcochete, um professor de matemática está sob acusação de violação agravada contra uma aluna a quem dava explicações. 

Os abusos, que duraram dez meses, culminaram com um ataque violento no dia em que a jovem completou 18 anos. Segundo a investigação, o docente de 47 anos esperou que a vítima atingisse a maioridade para perpetrar o crime.

Segundo o Ministério Público, os abusos começaram em setembro de 2021. O professor, durante as explicações e na presença de outros alunos, chamava a jovem de “linda”, “querida” e “princesa”, além de beijá-la na testa e acariciar o seu rosto. Em situações mais íntimas, o docente tocava a aluna sob a mesa quando esta vestia saias.

No dia do aniversário de 18 anos da jovem, o professor encerrou a aula, trancou a porta da sala e a violou brutalmente. Durante o ato, a jovem tentou resistir, mas foi em vão, segundo a acusação. Após a agressão, o professor ainda provocou: “Vai mais uma volta?”. No dia seguinte, os pais da vítima notaram o seu nervosismo, levando-a a revelar o ocorrido dias depois.

Atualmente, o professor está em liberdade, aguardando julgamento, e sujeito a termo de identidade e residência. A Polícia Judiciária, responsável pela investigação, suspeita que possam existir mais vítimas. A jovem recebe apoio psicológico devido ao trauma sofrido.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito