Saúde

Portugal no Brasil à procura de médicos para o SNS. Oferece salário de 2.863€ e casa de função

Para centros de saúde em zonas de maior carência de médicos de família.

A Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) publicou recentemente um anúncio no Brasil para cativar médicos brasileiros para centros de saúde em zonas de maior carência de médicos de família em Portugal, oferecendo 2.863€/mês e “casa de função”.

A notícia é destaque esta sexta-feira no jornal Público, que cita o anúncio que está a ser divulgado no Brasil, no qual o Ministério da Saúde se manifesta “interessado em recrutar médicos para os cuidados de saúde primários”, oferecendo-lhes contratos com a duração de três anos em centros de saúde das regiões de Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve com uma carga horária de 40 horas semanais, mas com possibilidade de concentrar a semana de trabalho em quatro dias.

Os médicos terão direito a 22 dias úteis de férias e, além da remuneração mensal de 2.863,12 euros ilíquidos (14 meses por ano), Portugal oferece mais seis euros de subsídio de refeição por dia e a “possibilidade de realização de trabalho suplementar”, sendo que os candidatos terão “um período de integração no posto de trabalho com apoio de um médico do serviço”. Quanto à “casa de função”, será atribuída pela autarquia “na área geográfica limítrofe” do local de trabalho.

O anúncio da ACSS está a ser divulgado através de universidades brasileiras, a quem foi enviado, e que as universidades estão a “replicar” o anúncio pelos “seus ex-alunos” e por “funcionários de hospitais ligados às instituições”.

O Ministério da Saúde esclareceu, em resposta ao Público, que este não é um concurso de recrutamento, mas antes uma manifestação de interesse destinada a potenciais candidatos que reúnam condições para trabalhar para Portugal.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *