Palmela

Palmela | Começou recruta para plantação de árvores

A luta continua e os desafios não se sobrepõem à vontade de fazer mais, melhor e de novo. André Amaro e o seu sócio, Maarten Baas, estão a pedir apoio às instituições do concelho de Palmela para a plantação de árvores.

Pedro Lima, colaborador presente e empenhado em trabalhar arduamente para recuperar os destroços do incêndio de 13 de julho e renovar a paisagem queimada e os bens perdidos, informou que o pedido de colaboração vai ser feito “aos Bombeiros, Escuteiros, Clube de Futebol de Palmela, à Sociedade Filarmónica Humanitária, Sociedade Filarmónica Palmelense “Loureiros, ao Centro Social de Palmela” e a todos os restantes que queiram ajudar, individualmente ou em família.

Pedro Lima, dono dos famosos burritos e que estão no terreno de André Amaro e Maarten Baas a fazerem o seu trabalho – comer o “pasto”, como burros sapadores – ressalva o facto de que, “se cada um plantar uma árvore, temos uma floresta nova em 2 meses”.

A organização da plantação será feita conforme a aceitação e disponibilidade das instituições e articulada com todos os envolventes neste projeto renovador.

“Vai ser giro. Os próprios bombeiros a plantar, os escuteiros a criar um planeta mais verde, o clube de futebol a contribuir para um futuro melhor”, sublinha Pedro Lima.

Relembre-se que a Quinta da Azenha é um terreno de cerca de 14 hectares comprado pelos sócios, na Baixa de Palmela. O incêndio veio deixar um rasto de destruição, mas os proprietários, com trabalho de equipa, e também investimento, querem recuperar a vida e a cor das áreas ardidas.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito