Famosos

Nuno C. Pereira teve um filho para ‘comprovar a virilidade’ e ‘julga-se superior e ungido’ por Deus

Luís Osório na rubrica ‘Postal do Dia’ atacou a postura do fadista fez duras acusações: “Nuno da Câmara Pereira é um personagem que faz muitos juízos de valor sobre o mundo e sobre os outros. É porque as mulheres não podem usar saias curtas ou por achar excessivo que Cuca Roseta use a roupa que usa. É porque os homossexuais só o são por moda – recordo que chegou enquanto deputado a propor a abolição do dia contra a homofobia. É porque a família é sagrada, assim como o respeito pela palavra de Deus. É porque nas suas redes sociais faz menção a ciganos ou à cor da pele do primeiro-ministro português e inglês. Nuno da Câmara Pereira irrita por fazer com os outros aquilo que agora não gosta que lhe façam a si”.

E continuou a sua análise: “Estou a desviar-me. Quero falar-vos do texto que publicou nas redes sociais a propósito do nascimento do seu quarto filho, fruto de uma relação com uma mulher 40 anos mais nova. Passo a citar. “Alegria e vida são e sempre serão o cerne da felicidade. Meu exemplo maior é o futuro que me aguarda. E se a natureza me proporcionou pôr à minha disposição o bem maior que é a vida e a vitalidade, só tenho de agradecer e ser reconhecido por Deus. Bem haja, Pai Nosso que estás no Céu!!!!. Amém”. É mesmo verdade. Nuno da Câmara Pereira, perdão Nuno de Bragança e Bourbon, aproveitou a ocasião para falar da sua virilidade, a que chamou vitalidade. E aproveitou também para legitimar as suas ações com a aprovação e o beneplácito divino. Repito: “Bem-haja, pai-nosso que estais no céu”. “Só tenho de agradecer e ser reconhecido por Deus”. Esta malta, e só por isso escrevi o postal, julga-se superiora e ungida por Nosso Senhor. Fala de Deus, da família, do respeito pelos filhos, da importância das missas, das comunhões, da moralidade, dos incensos, mas depois é um ver se te avias”.

Partindo para o ataque: “O que Nuno quis dizer foi que a obrigação de um homem como ele, de sangue azul e virilidade comprovada, é espalhar a boa nova, a semente do patriotismo, dos bons valores e do sangue dos ungidos. Perdoai-lhes Senhor. Porque não há mesmo paciência“.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito