PaísPolítica

Ministro da saúde anuncia alargamento dos rastreios oncológicos

Manuel Pizarro, ministro da saúde, anunciou na passada sexta-feira a inclusão do cancro do pulmão, próstata e do estômago no programa de rastreios oncológicos. Os projetos pilotos podem começar já em 2023.

“No caso concreto de Portugal, vamos trabalhar de imediato e julgo que, para qualquer um destes casos, haverá já em 2023 programas-piloto”, afirmou Manuel Pizarro em Bruxelas, onde participou no Conselho de ministros da Saúde da União Europeia.

Da reunião também resultou a atualização de alguns pontos do programa, como no caso do cancro da mama que se pretende que comece a incluir mulheres mais novas e mais velhas do que as então abrangidas para o despiste da doença.

“Este programa de rastreio vai ser estendido ao cancro do pulmão, da próstata e do estômago em certos casos”

Sabe-se que o rastreio do cancro do pulmão será dirigido aos grandes fumadores, o do cancro do estômago “às comunidades onde o risco é mais significativo” e o da próstata a todos os homens com idades superiores a 50 e 55 anos, conforme os casos.

A importância destes rastreios é evidente depois de olhar para os dados avançados pela DGS (Direção Geral de Saúde) demonstrando uma redução de mortalidade de aproximadamente 30% no cancro da mama, 20% no cancro colorretal e 80% no colo do útero.

A questão da saúde mental também foi um tópico abordado neste Conselho de ministros da Saúde da União Europeia, uma das áreas que mais impacto sofreu com a pandemia covid-19.

“Houve quase unanimidade no apelo à Comissão Europeia para que seja lançado um plano de ação para a promoção da saúde mental, com a concretização de 2024 como o Ano Europeu da Saúde Mental”, disse o ministro.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *