País

Ministra da Cultura lamenta o falecimento do escritor Eugénio Lisboa e destaca o seu legado literário e cultural

A Ministra da Cultura expressou o seu pesar pelo falecimento do escritor Eugénio Lisboa, destacando a sua influência na literatura e cultura portuguesas.

A ministra da Cultura, em nome do governo português, expressou o seu profundo pesar à família e amigos do renomeado escritor Eugénio Lisboa, que faleceu recentemente. Além da sua obra poética, Lisboa foi reconhecido como um dos ensaístas e críticos literários mais proeminentes dos últimos setenta anos.

A sua contribuição para a compreensão da literatura portuguesa da segunda metade do século XX foi amplamente reconhecida, especialmente em relação a autores como José Régio. Eugénio Lisboa enriqueceu o cenário literário nacional ao abrir novos caminhos de interpretação e análise.

Destaca-se ainda o importante percurso de Lisboa como Conselheiro Cultural da Embaixada de Portugal em Londres e como Presidente da Comissão Nacional da UNESCO. A sua atuação nessas funções contribuiu significativamente para a divulgação e preservação do património cultural português além-fronteiras, promovendo o conhecimento da arte e cultura do país em âmbito internacional.

A perda de Eugénio Lisboa deixa um vazio no panorama cultural português, mas seu legado permanecerá vivo através das suas obras e do impacto duradouro que teve na literatura e na cultura do país.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito