Saúde

Medicamentos de venda livre são mais caros nas farmácias do que em outros postos de venda

Confira as diferenças.

Um novo estudo da DECO Proteste analisou o preço de um cabaz de 26 medicamentos não sujeitos a receita médica em diferentes estabelecimentos – farmácias, espaços de saúde das grandes superfícies, e parafarmácias – em todo o país, e a conclusão foi que, nas farmácias, a amostra de medicamentos selecionada é mais cara, com a diferença a chegar a ser 14% do que nos outros canais de distribuição.

Em Castelo Branco e Guarda, o cabaz custa em média 210 euros. Já em Beja, a média atinge os 252 euros. Traçando a média para Portugal Continental, estes 26 medicamentos custariam 237 euros.

“Na verdade, a diferença de preços entre as grandes superfícies e as farmácias tem sido constante ao longo dos anos. Foi exactamente o que aconteceu entre 2018 e 2023: a percentagem situa-se nos 14%, entre os preços praticados nas farmácias e os que as parafarmácias nas grandes superfícies apresentam. No entanto, existem excepções à regra e nem todas as parafarmácias responderam ao inquérito que serve de base ao teste. O consumidor deve estar atento para fazer as escolhas mais económicas”, explica Susana Santos, coordenadora da área da saúde da associação de defesa dos consumidores.

“Este é um problema que se adiciona a outro”, acrescenta a responsável. “O inquérito comparou os preços deste ano com os de 13 produtos analisados em 2018 e, em média, todos os medicamentos estão mais caros. Por exemplo, o Trifene 200, 20 comprimidos, que está 89% mais caro em 2023 por comparação com 2018. No atual momento de estrangulamento financeiro, estas variações de preço podem ser decisivas para que um consumidor possa ou não comprar medicação”, conclui.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito