Distrito de PortalegreJustiça

Julgamento do toureiro João Moura arranca em Setembro

Em Portalegre.

O toureiro João Moura vai ser julgado no Tribunal de Portalegre por 18 crimes, dos quais 17 de maus-tratos a animais de companhia e um de maus-tratos a animais de companhia agravado.

O início do julgamento, segundo escreve esta terça-feira o Jornal de Notícias, está agendado para 18 de Setembro, sendo ainda que o Ministério Público requereu uma pena acessória de privação do direito de detenção de animais de companhia durante cinco anos.

A acusação sustenta que o arguido “privou os 18 animais de acesso a água e alimento em quantidade suficiente, de alojamento limpo, de quaisquer cuidados de saúde e de higiene, de vacinação e tratamentos de desparasitação e, em consequência, manteve os animais em situação de desconforto permanente, sede, fome e sofrimento”.

João Moura terá mantido naquelas condições, pelo menos entre Dezembro de 2019 e Fevereiro de 2020, “18 canídeos de raça galgo, na Quinta de Santo António, sita em Monforte”, ainda segundo a acusação.

Ainda segundo o mesmo documento, quando os canídeos foram retirados ao toureiro, este “detinha aos seus cuidados os referidos animais confinados em boxes de cavalos, dois a cinco animais por box, sem quaisquer equipamentos ou utensílios para fornecimento de alimento ou água”.

“Todos os animais detidos pelo arguido estavam infestados de parasitas internos e externos” e João Moura “mantinha todos os supramencionados animais sem qualquer documentação, ou imunização para a raiva e doenças como a parvovirose, esgana ou leptospirose”.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito