Sociedade

Jogos, raspadinhas e apostas garantem 630 mil euros por dia aos cofres da Segurança Social

Os jogos, as raspadinhas e as apostas são um negócio bastante rentável para a Segurança Social (SS). Segundo escreve esta quinta-feira o Jornal de Notícias, só em 2022, o Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social recebeu 230.2 milhões de euros de receitas de jogos como euromilhões, raspadinha e totoloto, entre outros jogos online.

Fazendo as contas, dá uma média de 630.7 mil euros a entrarem, todos os dias, na Segurança Social.

Recorde-se que a SS recebe praticamente um terço da receita líquida dos jogos explorados pela Santa Casa, sendo que esse dinheiro segue para apoiar pessoas mais carenciadas, além de auxílio à Fundação INATEL.

Nesse contexto, dos jogos sociais, em 2022 a Segurança Social recebeu 211 milhões de euros.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito