InsólitoMundoSociedade

Insólito: Pai de 102 filhos revela que é altura de ‘fechar a fábrica’ devido ao aumento do custo de vida

Um camponês de 67 anos que vive no Uganda resolveu que esta é a hora de parar de aumentar a família, que já conta com 102 filhos. De acordo com Musa Hasahya, que também é avô de 568 netos e marido tem 12 mulheres, “a fábrica fechou”, e para isso as suas esposas estão a tomar pílulas anticoncecionais. O homem que já conta com uma vasta família revelou que o aumento do custo de vida não lhe permite continuar a ter mais filhos.

“Devido ao aumento do custo de vida, a minha renda está cada vez mais pequena, ao contrário da minha família, que está cada vez maior (…) Eu casei-me com várias mulheres, como é que um camponês pode ficar satisfeito apenas com uma única mulher?”, declarou Hasahya ao jornal The Sun.

O homem que é acompanhado pelas 12 mulheres vive em Lusaka, no Uganda, onde a poligamia é legal. Todas as mulheres vivem na mesma casa. “Assim, é mais fácil de as controlar e impedi-las de fugir com outros homens da aldeia”, afirmou o homem. Cerca de um terço dos seus filhos também vivem na mesma residência. O seu filho mais novo tem 6 anos e o mais velho 51, que é 20 anos mais velho do que a mulher mais jovem de Hasahya.

O camponês revelou estar com problemas de saúde e impedido de continuar a trabalhar. Ainda de acordo com o The Sun, duas mulheres já o deixaram por causa de problemas financeiros.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito