AtualidadeCrimeInternacional

Inglaterra | Polícia confessa ter violado 12 mulheres

David Carrick assumiu-se culpado de 49 crimes, dos quais 24 de abuso sexual de 12 mulheres, ocorridos entre 2003 e 2020.

O agente da Polícia Metropolitana de Londres, integrante do comando de proteção parlamentar e diplomática (promovido em 2009), aproveitou-se da sua posição profissional para atrair mulheres, aterrorizando-as para se permanecerem em silêncio e não denunciarem os ataques sexuais, adianta o Jornal I.

Relatos constam que o agente colocava as vítimas em armários, para as “dominar e humilhar”, forçando as mesmas a ficarem nuas durante horas. Entre os abusos, chegou a urinar sobre as vítimas e chamar uma delas de “escrava”.

Há indícios de estar envolvido em outros nove incidentes, mas as vítimas recusaram apresentar uma queixa formal ou desistiram de colaborar com a investigação policial, não sendo tomada nenhuma medida em relação a esses mesmos casos.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito