Distrito de Évora
Em Destaque

Homem morre no Alqueva após incidente com balão de ar quente

Um trágico incidente ocorreu hoje nas margens da albufeira de Alqueva, em Mourão (Évora), onde o corpo de um homem foi descoberto após um passeio de balão de ar quente.

Segundo relatos de uma testemunha, Alexandra Santos, namorada da vítima, o balão, transportava a vítima, a própria Alexandra, outros 10 passageiros e o piloto, estava prestes a aterrar quando, devido às condições ventosas, mudou de trajetória. “O balão começou a inclinar-se em direção à água devido aos ventos. Com a velocidade que estávamos, o piloto não teve outra escolha senão aterrar na água, embora muito perto da margem. Todos nós ficamos com os pés molhados”, relatou emocionada Alexandra Santos.

No entanto, o balão continuou a deslocar-se em direção ao interior da albufeira, levando o piloto a sugerir que alguns passageiros saíssem para puxar o cesto para a terra firme.

O homem que morreu acabou por entrar na água, momento em que o balão subiu e voltou a cair na água, desta vez mais longe da margem, conforme testemunhou Alexandra Santos. “Ninguém o viu de pé, mas ele estava perto da margem quando o avistamos pela última vez”, acrescentou.

Segundo a testemunha, o balão de ar quente acabou por aterrar num olival. Alexandra Santos, que já prestou declarações à Polícia Judiciária (PJ), declarou que a vítima não tinha pé na área onde ficou após o balão voltar a subir.

“Não havia coletes salva-vidas a bordo, embora não fosse suposto os passageiros irem para a água. No entanto, tendo em conta a área com tanta água que sobrevoámos, teria sido sensato tê-los”, comentou.

Apesar de várias tentativas, a Lusa não conseguiu contactar a empresa responsável pelo balão de ar quente, a Wind Passeger. As circunstâncias da morte do homem estão sob investigação da PJ.

As autoridades receberam o alerta para o incidente às 10h19, e as operações de resgate foram imediatas, envolvendo 18 operacionais dos Bombeiros de Mourão, Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e GNR, apoiados por nove veículos.

O corpo foi encontrado junto à margem da albufeira por funcionários da empresa do balão de ar quente.

A viagem turística iniciou em Monsaraz, no concelho vizinho de Reguengos de Monsaraz.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito