Economia

Grupo do Facebook, Instagram e WhatsApp vai despedir mais de 11 mil trabalhadores

A Meta, o grupo empresarial que detém as redes sociais Facebook, Instagram e WhatsApp, vai despedir mais de 11 mil trabalhadores, naquele que será o maior despedimento colectivo da empresa em 18 anos. O grupo enfrenta custos crescentes com constrangimentos de mercado associados à redução da publicidade.

Em Outubro, a empresa já tinha previsto um trimestre fraco e custos significativamente mais elevados em 2023.

Entretanto, o CEO da empresa, Mark Zuckerberg, já afirmou que os investimentos da Meta poderiam demorar perto de uma década a dar frutos e já suspendeu mesmo algumas contratações, reorganizando as equipas para diminuir os custos.

“Não só o comércio online voltou às tendências anteriores, como a recessão macroeconómica, o aumento da concorrência (…) fizeram com que as nossas receitas fossem muito mais baixas do que eu esperava”, afirmou Zuckerberg numa mensagem enviada aos empregados, citado pela Reuters. “Enganei-me nisto e assumo a responsabilidade por isso”, admitiu.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito