DestaqueSesimbra
Em Destaque

Famílias do Meco avançam para tribunal europeu

Após a decisão desfavorável dos tribunais portugueses, as famílias dos jovens que faleceram na tragédia do Meco decidem recorrer ao Tribunal Europeu dos Direitos do Homem, alegando que o Estado português não protege o direito à vida.

Após o Supremo Tribunal de Justiça rejeitar o pedido de indemnização às famílias dos seis jovens que morreram na Praia do Moinho de Baixo, em 2013, o advogado das famílias, Vítor Parente Ribeiro, anuncia a intenção de apresentar uma queixa contra o Estado Português junto do Tribunal Europeu dos Direitos do Homem.

O advogado argumenta que esta decisão reflete uma falha na proteção do direito à vida por parte das instituições portuguesas, e espera que o tribunal europeu considere a violação deste direito fundamental.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito