Mundo

Estados Unidos em Alerta: Tempestade Solar Severa esperada após 20 anos

O Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos emitiu um alerta de tempestade geomagnética severa, pela primeira vez em duas décadas, devido a uma série de erupções solares.

O Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos emitiu um alerta incomum de tempestade geomagnética severa para esta sexta-feira, após duas décadas, devido a uma série de erupções solares.

O Centro de Previsão do Tempo Espacial (SWPC) da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA) destacou que esta situação pode impactar várias áreas da infraestrutura terrestre e orbital, incluindo comunicações, rede elétrica, navegação e operações de rádio e satélite.

A agência destacou que uma série de erupções solares, iniciada em 8 de maio, desencadeou a emissão deste alerta. Segundo o comunicado, a tempestade geomagnética pode persistir até o final de semana. “Uma grande mancha solar tem produzido erupções moderadas a muito fortes desde quarta-feira“, afirmou a agência, acrescentando que “pelo menos cinco destas erupções foram associadas a ejeções de massa coronal solar que parecem estar dirigidas para a Terra“.

As ejeções de massa coronal solar, explicadas pela NOAA como explosões de plasma e campos magnéticos na coroa solar, podem causar tempestades geomagnéticas quando direcionadas para a Terra. A plataforma Spacewather.com estima que a série de ejeções solares seria equivalente a um furacão de categoria 04, o segundo mais forte existente, caso fosse comparável a fenómenos terrestres.

Este alerta incomum levanta preocupações sobre os possíveis impactos nas comunicações, rede elétrica e outras infraestruturas sensíveis à atividade solar. Os especialistas estão a monitorizar de perto a situação e fornecerão mais detalhes nas próximas horas, conforme afirmado pelo SWPC.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito