AtualidadeCovid-19

Diretora-Geral da Saúde garante que Brufen e outros medicamentos não potenciam coronavírus

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, esclareceu ontem um boato que circulou nas redes sociais a respeito da ação do Brufen e outros medicamentos no coronavírus.

A informação foi vinculada pelo ministro de Saúde francês, Olivier Véran, que através das redes sociais aconselhou a que não se tomasse Brufen, já que “pode ser um fator que piora a infeção” nos infetados com coronavírus.

Graça Freitas desmentiu ontem a declaração, garantindo que “nem o Brufen, nem outros medicamento, potenciam a ação do vírus,” reiterando também que não há provas científicas e que haverá um desmentido europeu.

A Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) em comunicado informou que “não existem, atualmente, dados científicos que confirmem um possível agravamento da infeção por covid-19 com a administração de ibuprofeno ou outros anti-inflamatórios não-esteróides”, reforça.

“Nesse sentido, não há motivo para os doentes que se encontrem em tratamento com os referidos medicamentos o interrompam,” conclui o Infarmed.

O Comité de Avaliação de Risco de Farmacovigilância da Agência Europeia do Medicamento está a avaliar a situação e espera a conclusão do estudo em maio.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito