Mundo

Criança de 7 anos é morta em ataque de matilha de cães

Um menino foi morto e a sua mãe ficou ferida depois de serem atacados por uma matilha de cães [dois Rottweilers e dois cães de raça mista] este sábado (21), em Fort Hall, Idaho, nos Estados Unidos.

A polícia foi chamada a uma residência na noite de sábado em resposta a uma denúncia feita por uma criança que foi atacada e que ficou em estado inconsciente. A informação foi avançada no Facebook das tribos Shoshone-Bannock esta segunda-feira (23).

O ataque sucedeu-se na reserva de Fort Hall, local que é supervisionado pelas tribos Shoshone-Bannock, que são reconhecidas pelo governo federal. No entanto, nem as vítimas nem os donos dos cães eram integrantes do grupo, de acordo com o comunicado.

As circunstâncias do ataque ainda não são conhecidas, assim como as identidades das vítimas que permanecem ocultas.

Todos os cães foram abatidos pelas autoridades tribais e os donos dos animais foram incorridos em 15 violações contra a legislação animal das tribos, onde está incluída a não vacinação dos mesmos e o ataque de animais ferozes.

Foi ainda revelado que várias entidades, como o FBI e o Departamento de Pesca e Caça de Idaho, estão envolvidas nas investigações.

O caso poderá mesmo chegar ao Ministério Público dos Estados Unidos se as acusações federais foram aplicadas ao incidente.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito