DestaqueMontijo
Em Destaque

Conflito intenso entre vereador do PSD e executivo PS da Câmara de Montijo

João Afonso denuncia falta de projeto para nova esquadra da PSP, acusando o executivo de promessas vazias.

O vereador do PSD João Afonso criticou duramente o executivo da Câmara Municipal de Montijo, principalmente o edil, Nuno Canta (PS), durante a última sessão pública que decorreu no passado dia 15 de maio. João Afonso acusou o presidente e restante executivo de baixarem os braços e de não avançarem com revindicações junto do Governo para a construção da nova esquadra da PSP, apesar das promessas repetidas e visitas ao local com membros do Governo anterior (PS).

Num discurso inflamado, João Afonso (PSD) revelou que, após questionar o Ministério da Administração Interna sobre o progresso do projeto da nova esquadra para a PSP do Montijo, recebeu apenas uma resposta desalentadora: “uma folha em branco“. Segundo o vereador, isso indica que não há nenhum processo ou projeto em andamento no sentido de construir a esquadra, ou uma megaesquadra da PSP na cidade do Montijo.

Portanto, o senhor [presidente da Câmara do Montijo] andou a anunciar, conjuntamente com os camaradas do Partido Socialista, vieram cá fazer um grande folclore, várias vezes, notícias nos jornais, esquadra ali para a zona da rotunda da Força Aérea, têm o terreno cedido,” disse o vereador social-democrata. Sublinhando que, apesar da cessão do terreno, nada foi feito em termos de planeamento ou aprovação formal.

Além disso, João Afonso expressou preocupação com a possível transferência de serviços da esquadra de Montijo para Barreiro, mencionando a perda anterior do Hospital do Montijo. “Há uma intenção de transferir alguns serviços, hoje prestados para a Esquadra do Montijo pelo Barreiro diretamente, nomeadamente investigação criminal e trânsito” alertou.

O Diário do Distrito contactou o Ministério da Administração Interna para esclarecimentos sobre a construção da nova Esquadra da PSP e uma possível transferência de serviços conforme anunciado pelo vereador do PSD, recebendo a seguinte resposta: “Relativamente às questões que elenca, desconhecemos as declarações do Sr. João Afonso, em causa, pelo que não as podemos comentar”. Esta resposta sugere a ausência de qualquer pedido formal de esclarecimentos àquele ministério.

João Afonso concluiu o seu discurso reiterando a importância de manter os serviços no Montijo e apelando por mais transparência e ação por parte do executivo da Câmara Municipal.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito