Distrito de Setúbal
Em Destaque

Comunidade transforma pradaria marinha no estuário do Sado

Após meses de envolvimento com a comunidade local, o projeto de conservação e restauro da pradaria Base-ferry, no estuário do Sado, culmina com uma proposta inovadora de restauração.

O projeto, intitulado “Reflorestar o Mar – conservação e restauro da pradaria Base-Ferry, no estuário do Sado“, liderado pela Ocean Alive em parceria com o ActivoBank, tem-se destacado pelo seu apelo à participação ativa da comunidade. Desde a sensibilização sobre a importância da pradaria até à apresentação de soluções para as práticas que a degradam, o envolvimento tem sido abrangente e transformador.

Durante os últimos meses, várias iniciativas foram desenvolvidas para promover a conscientização e ação comunitária. Uma das ações mais emblemáticas ocorreu em março, quando membros do Centro de Experimentação Operacional da Marinha foram mergulhar na pradaria, testemunhando a transformação de uma área antes degradada num ecossistema marinho vibrante, habitado até por cavalos-marinhos.

Além disso, foram realizadas limpezas na praia adjacente à pradaria, resultando na remoção de 216.5kg de resíduos, demonstrando o compromisso da comunidade com a preservação ambiental.

O diálogo com autoridades locais e representantes governamentais também foi uma componente fundamental do projeto. Em março, os resultados do projeto foram apresentados a 13 entidades, incluindo decisores locais e representantes da comunidade. Mediante dinâmicas participativas, foram coletadas sugestões para a regulação da navegação e práticas de pesca na área da pradaria.

Nos últimos dois meses, os utilizadores da pradaria Base-ferry, incluindo pescadores e mariscadores, foram consultados sobre a sua perceção relativamente aos danos causados pela largada de âncoras e sobre possíveis soluções para o problema.

Este projeto exemplifica o poder da colaboração entre organizações da sociedade civil, setor privado e comunidade local na busca por soluções inovadoras para os desafios ambientais. A proposta de restauro que será apresentada reflete não apenas o conhecimento científico, mas também a voz e o engajamento da comunidade, garantindo assim uma abordagem holística e sustentável para a preservação da pradaria Base-ferry e do ecossistema marinho do estuário do Sado.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito