Cultura

Cinema S. Vicente em ciclo cultural no mês de setembro

Na Aldeia de Paio Pires, o Cinema S. Vicente apresentará 3 peças no mês de setembro, com destaque para “O Rei Midas”, uma encenação de estreia da companhia Animateatro.

Depois das férias, da praia e dos banhos de sol eis que chega a altura de assentar e aproveitar um pouco dos espetáculos que o concelho tem para oferecer. São várias as propostas dirigidas, essencialmente, ao público infantil e familiar que vão dar as caras neste espaço cultural.

Segundo Paulo Silva, presidente da Câmara Municipal do Seixal, as atividades desenvolvidas pelo Cinema S. Vicente são “um exemplo da política cultural promovida” pela autarquia, em conjunto com os agentes culturais e o movimento associativo. A companhia Animateatro e A Bolha vão animar o palco dia 17 de setembro, pelas 11 horas, com a encenação “Perdidos, Mas Pouco!”, uma peça dedicada ao entretenimento dos mais novos.

É indicado para maiores de 3 anos com um custo de 5 € por bilhete. Esta peça, com a duração de 40 minutos, conta a história de dois miúdos que iam acampar e separaram-se do resto da família; não sabem onde estão, mas isso não os impede de viver grandes aventuras e fazer importantes descobertas.

Com a ajuda de uns heróis muito especiais, vão olhar com outros olhos para as questões ambientais e perceber a importância que têm na proteção do planeta. Já no dia 23 de setembro, às 21h30, é a vez de assistir a “CAR 12”, um espetáculo por Trigo Limpo, da ACERT — Associação Cultural e Recreativa de Tondela, espetáculo de acolhimento — Teatro da Terra. Aqui acelerará numa aventura num veículo cheio de surpresas e, claro, um musical a acompanhar a trama.

O ingresso custa 10 €, sendo que jovens até 25 anos, munícipes, reformados, trabalhadores das autarquias do Seixal, profissionais do espetáculo e para Teatro da Terra, em bilhetes adquiridos na bilheteira do Fórum Cultural do Seixal e no próprio dia no Cinema S. Vicente, baixam para 6 €. Dia 24 de setembro estreia “O Rei Midas”, uma obra do Animateatro — Companhia de Teatro.

Esta encenação começará por volta das 11 horas. Aqui, os espetadores vão conhecer um rei que está cego com o poder e, sem olhar para as consequências, pede um desejo aos deuses: tudo o que tocar terá de se transformar em ouro.

Com a riqueza absoluta em mãos, a personagem vai aperceber-se que o maior tesouro das nossas vidas nunca poderá ser comprado. O bilhete custa 5 € e irá levá-lo por 50 minutos de história, de um mais famosos reis dos contos, com uma lição moral profunda e boa para os mais novos.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito