Mundo

Cientista pretende criar o primeiro ventre artificial do mundo

O cientista alemão Hashem Al-Ghaili que trabalha em Berlim, na Alemanha, julga ter encontrado uma solução para os problemas de natalidade no continente europeu, através do “primeiro ventre artificial” do mundo.

O nome da criação feita por Al-Ghaili é EctoLife e resulta num concept de 75 laboratórios separados, os quais conseguem acomodar cerca de “400 cápsulas de crescimento” capazes de sintetizar as condições ‘oferecidas’ por um ventre materno real. O cientista afirmou que apenas um laboratório será capaz de incubar 30 mil bebés por ano, sendo possível acompanhar o seu crescimento através de uma aplicação no telemóvel.

Todo o serviço está planeado de forma a “oferecer” os melhores “produtos” aos pais. Uma das ideias apresentadas neste concept é a de estes poderem escolher as preferências genéticas dos seus filhos, como o tom de pele, altura, inteligência, entre outras. Estas características seriam implementadas a troco de dinheiro.

Atualmente, este avanço tecnológico ainda não saiu do papel e não há planos concretos para avançar. No entanto, este é um dos exemplos de como a tecnologia pode interferir no decurso da humanidade.

Vídeo do canal de Youtube – Hashem Al-Ghaili



ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito