DestaquePalmela

Bloco de Esquerda exige pagamento de 100% dos salários a trabalhadores afectados pela paragem da Autoeuropa

Paragem de produção começou ontem e estende-se até 12 de Novembro.

A coordenadora do Bloco de Esquerda exigiu esta terça-feira o pagamento de salários a 100% a todos os trabalhadores da Autoeuropa e das empresas fornecedoras instaladas no parque industrial, durante a paragem de produção que começou ontem e que está prevista até 12 de Novembro.

“A Autoeuropa é uma empresa importante para a economia do país. Esperava ouvir mais da parte do Governo, mais da parte do primeiro-ministro, mas também mais responsabilidade da parte da própria empresa. A Autoeuropa é uma empresa que recebeu muitos apoios do Estado ao longo dos últimos anos, tem uma importância imensa na economia portuguesa e para o trabalho de toda uma região do distrito de Setúbal”, disse Mariana Mortágua após uma reunião com a coordenadora das Comissões de Trabalhadores (CT), em Setúbal.

Mortágua sublinhou ainda que “é o Estado que paga uma parte do ‘lay-off’, as responsabilidades e os custos de uma opção que foi tomada pela Autoeuropa”, considerando que se a empresa escolhe este modelo de gestão, “tem de assumir responsabilidades e tem uma responsabilidade social para com os trabalhadores, para com o país e para com o Estado, de quem já recebeu muitos apoios”.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

2 Comentários

  1. N era mais bonito irem buscar os 3,8 milhos que deram ao BES

  2. Ò Mariana … PAGA DO TEU BOLSO AOS TRABALHADORES OS 5% QUE RECLAMAS ….