Opinião

BEIJO MORTAL À ESPANHOLA

Este artigo de opinião é da inteira responsabilidade do seu interveniente.

Depois de se sagrar campeã do mundo, as jogadoras da selecção espanhola foram ao pódio receber as medalhas e foi nesse momento que o presidente da Federação, José Luís Rubiales, deu um beijo na boca da jogadora Jenni Hermoso.

Não comungo da opinião daqueles que se julgam o novo “Tomás de Torquemada”, que foi o Inquisidor-Geral espanhol, conhecido pelo seu fanatismo religioso e descrito como o martelo dos hereges, que querem a cabeça do presidente da federação espanhola, mais parecendo que ele cometeu uma violação ou um abuso sexual contra a jogadora.

Considero que o beijo pode ter sido um acto inapropriado, caso a relação entre José Luís Rubiales e Jenni Hermoso não permitisse esse momento de emoção fora do normal

Caso a relação entre ambos fosse de uma grande aproximação, como parece ser o caso, aquele beijo apenas representa um momento de alegria extrema, sem qualquer conotação sexual, pois até poderia ter sido dado por dois heterossexuais, tal como já aconteceu em momentos idênticos, no desporto ou até em cerimónias de prémios do cinema, mas em que todos se riram com essa situação, sem que alguém tivesse manifestado o seu desagrado com um momento de emoção extrema praticado por um amigo a outro.

Por outro lado, não vi qualquer gesto de repulsa, afastamento ou indignação por parte da jogadora quando recebeu o beijo. Mesmo não estando à espera, qualquer pessoa nessa situação, fosse mulher ou homem, teria, no mínimo, mexido a cabeça para trás, nem que fosse um milímetro, num gesto automático de quem tinha acabado de ser surpreendida. Por essa razão, considero que aquele beijo foi mesmo euforia extrema.

Depois, não vi o presidente da federação espanhola a dar mais beijos, ou seja, mais uma vez se prova que aquele beijo foi dado a uma amiga num momento de euforia extrema.

Que o José Luís Rubiales deve pedir desculpas à jogadora, sim, deve. Porque, independentemente da relação que teria com ela, ninguém deve beijar outra pessoa sem o consentimento dela.

Agora, se o que aconteceu é caso para tanto alarido, não! Foi um simples acto de alegria extrema de quem tinha acabado de se sagrar campeão do mundo, mas a nova política WOKW e de cancelamento de tudo o que é normal, exige que deixemos de ser humanos e passemos a ser uns alienígenas  sem género.

Por último, gostava que o mundo ficasse tão indignado quando vê Travestis, Transexuais ou radicais LGBTQUIA+ a darem aulas de doutrinação sexual nas escolas às nossas crianças, como ficaram com o beijo dado por José Luís Rubiales à Jenni Hermoso.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito