DestaqueDistrito de Setúbal

Bebé morre em pastelaria de Vendas de Azeitão

Um bebé com pouco mais de três semanas de vida morreu esta tarde, ao que tudo indica por engasgamento, enquanto se encontrava com os pais numa pastelaria na localidade de São Simão, Vendas de Azeitão, Setúbal.

A cor arroxeada do bebé levou ao alerta por parte de uma das funcionárias do estabelecimento, localizado na Rua Miguel Bombarda.

Os meios de socorro foram accionados pelos pais, pouco depois das 15h00, e no local estiveram Bombeiros, militares do Posto da GNR de Azeitão e a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Hospital de Setúbal.

Apesar das manobras de reanimação, não foi possível reverter a situação e o bebé acabou por falecer, tendo sido o corpo transportado para o Instituto de Medicina Legal, onde será submetido a autópsia.

A Polícia Judiciária de Setúbal está a investigar o caso, mas após as primeiras diligências, já foi afastada a hipótese de crime.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

33 Comentários

  1. A noticia não é clara em relação à causa de morte do bebe.

    Poderá ter sido morte súbita ?

  2. Mas quem sao vocês para julgar uma situação que desconhecem e fazer juizos de valor de quem quer que seja. Uma pequena parte da notícia e o povo elabora o resto acho que deveriam ganhar percentagem!
    Sabem la a dor desta família com certeza que estão a viver o pior momento da vida deles onde comentários desses deviam ser banidos, porque o que a familia precisa mesmo é de apoio neste momento….
    Que a alma deste pequenote descanse em paz e que guie a família 🤍

    1. Sarah Andreia A Liberdade de Expressão tem danos colaterais. Faz parte. Sem acrimónia.

  3. Mas o bebé engasga se com quê se tinha três meses foi com o leite ninguém diz nada mas meu Deus que desgraça tão mas estás no céu Anjinho

    1. Carlos Miguel Sousa não li simplesmente perguntei com que se engasgou uma vez que um bebé de três meses só papa leite não

  4. Há malta aqui que só leu o título, certo? 🤔

  5. Horas más na vida das pessoas 😥 não devia de acontecer mas infelizmente acontece , muito apoio a esta família 🍀
    Descanse em paz anjinho.

  6. Mas o bebé engasga-se e é a funcionária do estabelecimento que dá pela situação? Onde estavam os pais? Que loucura meu Deus.

    1. Maria Francisca não diga asneiras… tente ter alguma empatia com esta família, um bebe pode engasga-se com o leite e não dar qualquer sinal.. só quem não é mãe é que não percebe.. não se esqueça que ao apontar 1 dedo tem 4 a apontar para si… respeito precisa-se.

    2. Ana Cristina Costa normalmente dá se conta quando o bebé se engasga

    3. Ana Margarida Cremon Lemos normalmente não significa que seja sempre e infelizmente para estes pais, esta foi a vez que não deram conta..

    4. Tenho duas filhas. A mais velha uma noite engasgou-se deitada com o bolsar. O que me valeu foi eu estar por perto porque não estava a conseguir dormir e era de madrugada. E mesmo assim foi um pânico terrível. Se eu não estivesse perto dela não teria dado por tal.

    5. Maria Francisca verdade a nós que somos mães galinhas mas não podemos fazer a pergunta correta porque somos enxolhavadas por pessoas que não nos conhecem e por isso que á tantos pais negligentes e o resultado está a vista

    6. Ana Cruz minha amiga para mim esta gente não me ” enxovalha” porque nem aos meus pés chegam, são da mesma raça daquelas que de mães não têm nada, não passam de progenitoras, ficam escandalizadas porque fazem o mesmo, criam os filhos ao Deus dará, o que me tira do sério é a quantidade de crianças mortas por negligência de quem os devia cuidar, não somos mães galinhas,somos MÃES minha querida amiga
      Beijinho

    7. Carla Almeida se esses pais estavam com a criança na pastelaria é suposto estarem por perto, uma criança de 3 semanas requer muita atenção, chegar ao ponto de ser a funcionária a ver a bebé roxa e eles nem aí, isto é o quê?

    8. Maria Francisca como disse, eu também estava por perto e a minha filha deveria ter a mesma idade desta bebê. Calhou… calhou mesmo eu dar por isso! Tenho consciência que se estivesse a dormir ou se naquele momento não tivesse ido olha-la o desfecho seria diferente. Aliás bastava ter ido ao wc… Por isso não consigo apontar o dedo a pais alguns que passem por situações destas ou outras que seja. Sei a mãe que sou mas sei que há coisas que não controlamos infelizmente. Não li em momento algum que os pais não estavam nem aí. Acho feio e sinal de muito pouca empatia neste tipo de situações e sem que se saiba a história concreta, acusar os pais de culpa quando certamente serão os que carregarão consigo a “culpa” e a maior dor . A pouca empatia com pais que perdem filhos, principalmente vindo de quem é pai ou mãe diz muito sobre quem a manifesta. Aliás quando apontamos um dedo ao outro temos 3 apontados a nós mesmos!

    9. Maria Francisca baseada neste comentário que acabou de fazer não merece qualquer respeito e a sua sorte é ter pessoas decentes a comentar o que escreve, realmente eu não chego aos seus pés, estou muito acima… não sabe lidar com opiniões diferentes das suas, começa logo ao ataque, esses comportamentos são para os animais irracionais.

    10. Ana Cristina Costa claro que está muito acima pelo menos moralidade não lhe falta ,quando colocam em 2 plano a vitima ainda por cima bebé e desculpabilizam os progenitores, está tudo dito.

    11. Maria Francisca a minha filha, assim que nasceu, ficou internada cerca de um mês. Nos primeiros tempos ficou dentro de uma incubadora. Um dia, após amamenta-la, coloquei-a novamente na incubadora. Ela regurgitou o leite e começou a asfixiar. As enfermeiras foram logo a correr, tiraram a menina da incubadora, meteram na de barriga para baixo, palmadas nas costas e aspiraram a boca e o nariz. O bebé não deu qualquer sinal porque estava a asfixiar com o leite! Calhou eu estar a olhar para ela na hora da visita e estarmos no hospital naquele momento. Aconcelho-a a não ser venenosa nem atirar pedras para o ar porque cai-nos sempre em cima e dói. Depois dos seus comentários tristes, desejo que o karma não lhe falhe e que lhe ensine a ser alguém melhor, para aprender.

    12. Maria Francisca, ainda vai a tempo de apagar o disparate que escreveu.

    13. Susana Couto e você vai a tempo de usar o cérebro para pensar.

    14. Maria Francisca se não estava lá, não mande bitaites. Um
      Bebé de 3 semanas pode bolsar e sufocar em silêncio. Basta o carrinho estar ao lado dos pais junto da mesa para que alguém que se aproxime de pé tenha melhor visibilidade, por exemplo. E até pode não ter sido nada disso, o bebé pode ter tido outro problema de saúde repentino. Não sabem não comentem. Não é uma novela.

    15. Cristina Ana Ju exactamente. E ali na neonatologia estão sempre vigiados e mesmo assim não impede que aconteça. São pequenos momentos e silenciosos. Também tive a minha filha pouco mais de um mês na neonatologia por nascer grande prematura e cheguei a ver situações como a sua. É aflitivo e percebemos que não conseguimos controlar tudo! Por mais que queiramos não conseguimos!

    16. Carla Almeida Há mães e mãezinhas, e depois há aquelas pessoas frustradas que cospem veneno e sabem lá o que é ser mãe e muito menos mãezinha. Mete-me um n○nj* a falta de cérebro de certa gente, falam sem saber, julgam o outro sem sequer se meter no seu lugar, enfim, gentinha de m#rd@!

    17. Ana Antonio isso é mentira
      Uma criança não bolsa e sufoca em silêncio que asneira é essa, mas você está a querer dizer o quê? Se calhar os inocentes é que são os culpados por terem uns progenitores incompetentes e irresponsáveis. E você sabe o quê? Não não é novela é mais um bebé que morre e os acéfalos só desculpam os responsáveis as crianças não contam na vossa equação.

    18. Maria Francisca os pais deviam estar agarrados há merda dos telemóveis é o que se vê nesta nova geração não dão atenção os filhos

    19. D. Maria Francisca , parabéns por ser um ser humano acima dos demais , pessoas perfeitas hoje em dia são difíceis de encontrar ! 👏🏻
      Mas atenção, nunca cuspa para o ar …

    20. Carla Roque não estou acima de ninguém mas sou uma pessoa muito responsável, se somos difíceis de encontrar é porque actualmente as pessoas não têm nem uma educação básica sólida nem tem bom senso.

    21. Carlos Miguel Sousa nas noticias foi o que disseram, é normal os bebés se engasgarem por isso depois de beberem o leite são colocados em posição para puderem arrotar, precisamente para não sufocarem , a noticia estava errada ?