Grândola
Em Destaque

Barco “Linguinhas” naufraga em Troia: Tragédia no mar faz dois mortos e dois desaparecidos

Um dia de pesca transformou-se numa tragédia quando o barco "Linguinhas" naufragou ao largo da Troia, no passado domingo. O incidente resultou em dois mortos e duas pessoas estão desaparecidas, enquanto o timoneiro e proprietário, de 62 anos, foi resgatado com vida.

As investigações revelaram que o barco tinha uma boia de amarração no Porto de Setúbal, conforme informação prestada pelo timoneiro. Marco Serrano Augusto, responsável da capitania do Porto de Setúbal, confirmou essa informação, destacando a importância das investigações em curso, conduzidas pela Polícia Marítima e pelo Ministério Público de Grândola.

O barco “Linguinhas”, registado na Polónia, não estava sujeito as vistorias das autoridades portuguesas, conforme reportado pelo jornal Observador. Esta lacuna na supervisão levanta questões sobre os protocolos de segurança a bordo.

O naufrágio desencadeou uma série de investigações e ações por parte das autoridades. Um inquérito criminal foi instaurado pela Procuradoria-Geral da República, enquanto a Polícia Marítima de Setúbal mobilizou um dispositivo de busca na área que se estende desde a barra de Setúbal até ao cabo de Sines.

Neste esforço de busca, várias embarcações da Polícia Marítima e do Instituto de Socorros a Náufragos, com veículos terrestres, estão empenhadas nas operações que ainda decorrem no local. O objetivo é encontrar os corpos dos dois desaparecidos e entender as circunstâncias que levaram ao naufrágio.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito