MontijoReportagem

Autarquia apresenta Plano de Desenvolvimento Social do Montijo

A Universidade Sénior do Montijo, na Quinta do Saldanha, recebeu esta terça-feira a apresentação do Plano de Desenvolvimento Social do Montijo 2024-2028, durante a qual foi apresentado o Diagnóstico Social do concelho, com as presenças de Nuno Canta, presidente da Câmara Municipal, a presidente e chefe da Divisão De Desenvolvimento Social e Promoção da Saúde, vereadora Maria Clara Silva e Rute Marcelino, respectivamente.

Nuno Canta saudou “as IPSS do Montijo que, como nossas parceiras, e que têm resolvido a vida de muitas pessoas” e salientou que “durante os últimos anos foram levadas a cabo muitas discussões sobre o desenvolvimento social do concelho”.

O edil relembrou que “vivemos um contexto de globalização no qual os desafios de desenvolvimento social são mais complexos e multifacetados, e isso obriga a respostas cada vez mais inovadoras para os problemas das populações”.

Apontou como “novos problemas sociais e assimetrias”, questões como “a pobreza, a fome, as migrações, e as alterações climáticas, mas também a transição digital, que actualmente se tornam enormes desafios para as cidades e obrigam à interação entre todos os parceiros para a procura da sua solução”.

A estes «novos problemas» o autarca relembra que existem outros, “mais antigos, como as desigualdades entre homens e mulheres ou entre etnias, o desemprego, ou garantir a alimentação, a educação e a energia para todos, além de uma alteração demográfica profunda, que no caso do Montijo se reflecte numa população cada vez mais envelhecida.

No entanto, o mundo nunca teve tantos jovens, embora muitos destes se encontrem fora das grandes economias mundiais.

A todo este contexto, Nuno Canta não se esqueceu de acrescentar “os problemas trazidos pela pandemia de covid19 e as guerras que actualmente ocorrem, que vieram agravar os problemas e a garantia aos direitos humanos”.

Relativamente ao concelho do Montijo, o autarca destacou que “uma das prioridades neste nosso Plano de Desenvolvimento Social é a luta contra a descriminação.

Montijo é um concelho onde a palavra «Solidariedade» tem grande significado, porque também foi sempre um ponto de chegada de migrantes, e esse legado histórico importante da nossa cidade é um orgulho, mas também uma grande responsabilidade.

Uma cidade mais solidária é também uma cidade mais segura.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito