Distrito de Bragança

Abutres atacam em Mogadouro e matam novilha após parto

Uma tragédia atingiu uma pequena exploração agrícola em Vilar do Rei, no concelho de Mogadouro, dentro do Parque Natural do Douro Internacional, quando um grupo de abutres atacou uma novilha em trabalho de parto, resultando na sua morte.

Nuno Vilariça, o proprietário agrícola, relatou à Lusa os eventos trágicos que culminaram na perda do animal.

“A novilha passava por um parto difícil. Após o nascimento do vitelo e num instante de alívio, enquanto a mãe que recuperava, um bando de abutres atacou violentamente o animal, ferindo-a fatalmente”, explicou Vilariça.

O ataque ocorreu na segunda-feira e não passou despercebido aos habitantes da aldeia e aos trabalhadores rurais da região. Vilariça observou que os abutres, atraídos pelos restos de placenta e pelo estado debilitado da novilha após o parto, não hesitaram em agir, seguindo os seus instintos apurados.

Este não é o primeiro incidente do género relatado pelo proprietário. Anteriormente, outra novilha foi vítima de um ataque similar na mesma área, destacada pela sua importância como ‘habitat’ protegido para a vida selvagem.

Vilariça afirmou que reportou o incidente ao Instituto da Conservação da Natureza (ICNF), solicitando uma avaliação da situação e possíveis medidas de prevenção para evitar danos semelhantes no futuro.

A Lusa tentou contactar o ICNF para obter mais informações, mas até o momento não obteve sucesso.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito