CrimeDestaque
Em Destaque

530 pessoas identificadas em megaoperação na Praia do Samouco

A Praia do Samouco, no concelho de Alcochete, foi palco de uma extensa megaoperação conduzida pela Polícia Marítima. A ação, que teve início na madrugada de segunda-feira, pretendeu combater atividades ilegais, como a pesca e comercialização ilegal de mariscos. A Polícia Marítima garantiu existir movimento migratório vindo da América do Sul.

Desde as primeiras horas da operação, que mobilizou 100 agentes e 15 viaturas, a Polícia Marítima intensificou a vigilância ao longo da praia do Samouco, no concelho de Alcochete. A medida visou dissuadir práticas ilegais e proteger simultaneamente o ecossistema costeiro e a segurança dos frequentadores.

Paulo Vicente, o Comandante Local da Polícia Marítima de Lisboa e Capitão de Porto, entrevistado pelo Diário do Distrito, garantiu que esta é a segunda operação de grandes dimensões em 2023, uma ação que visa apanhar mariscadores e comerciantes envolvidos em atividades ilegais.

Durante a operação, foram identificados cerca de 500 mariscadores, as autoridades efetuaram a apreensão de três viaturas.

Em declarações ao Diário do Distrito, Paulo Vicente garantiu ainda que já está identificada uma comunidade tailandesa já estabelecida em Samouco. Contudo, as autoridades apontaram um “fenómeno novo”: a chegada de muitos imigrantes ilegais provenientes da América do Sul. Esse desenvolvimento foi destacado como uma preocupação emergente.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

comentário

  1. mais uma treta das autoridades, foi preciso passar mais um programa sobre o que acontece aqui para irem lá, mas que treta de autoridade é esta, mas não sabem que aquilo é todos os dias, porque é que não vão lá todos os dias, será que não interessa, só pode

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *