Montijo

“25 de abril, o verbo”: um retrato da Revolução dos Cravos na Biblioteca do Montijo

Na tarde de 23 de abril, a Biblioteca Municipal Manuel Giraldes da Silva no Montijo apresentou o livro “25 de abril, o começo era o verbo”, de Manuel S. Fonseca e Nuno Saraiva. A obra, inserida nas comemorações dos 50 anos do 25 de abril e do Dia Mundial do Livro e do Autor, recupera as recordações da Revolução dos Cravos por meio de palavras e imagens.

A apresentação do livro “25 de abril, no princípio era o verbo”, escrito por Manuel S. Fonseca e ilustrado por Nuno Saraiva, ocorreu na Biblioteca Municipal Manuel Giraldes da Silva.

O evento marcou as celebrações dos 50 anos da Revolução dos Cravos e do Dia Mundial do Livro e do Autor, apresentando uma obra que revisita os principais eventos desse período histórico.

A apresentação ocorreu na Biblioteca Municipal Manuel Giraldes da Silva, localizada em Montijo. Este livro conta como Portugal foi governado durante a Revolução dos Cravos, com cartazes, manifestações e pinturas nas paredes. É uma viagem pela história do país. A cerimónia ocorreu na tarde do dia 23 de abril.

O evento foi organizado como parte das comemorações dos 50 anos do 25 de abril, relembrando a relevância histórica dessa data e incentivando a cultura e a literatura no Dia Mundial do Livro e do Autor.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito